sábado, 12 de outubro de 2019

Como é bom ser criança

Em passeio divertido ao Canada Science and Technology Museum, meus pequenos se encantaram com todas as experiências. Um dia cheio e bastante feliz!

 Olhinhos brilhantes, 
 mãozinhas agitadas,
passadas corridas,
surpresas achadas.



Todo interesse
 se espalha ao redor,
 querer tudo ver,
querer ser maior.




O novo surpreende
 agiganta, seduz,
maravilhas ,
descobertas,
 assombros, produz.






O espaço é ali,
 fronteira sem fim,
heróis do agora,
 derrubam limites
comendo amendoim. 






Capitães de curso certo,
 avistam além 
do largo horizonte,
mapeiam, calculam,
 rumos que advém. 



" Ai, que prazer
Não cumprir um dever,
ter um livro pra ler
e não o fazer!
(...) Grande é a poesia, 
a bondade e as danças...
Mas o melhor do mundo
são as crianças!" 
( Fernando Pessoa)



Feliz Dia das Crianças, pessoal!







segunda-feira, 7 de outubro de 2019

Viver com qualidade

(Foto- Tica)

Cada vez mais comprovo a existência das forças de atração quando lhes destinamos atenção focada.Pegando o gancho na última postagem ( Somos influenciadores e influenciados) ligo o fio condutor do assunto e me caem aos olhos muitas leituras relacionais. Confesso que sou atraída pelos temas afins ou os atraio, mas, a ordem dos acontecimentos não altera a importância dos conhecimentos. 

Como antenas de alta freqüência, captamos muitos estímulos de variadas naturezas e, aí é que se condensam humores, bons ou maus, a refletir suas influências em nós próprios, em nosso ambiente e em nossas relações. 

Ilustrando melhor tais princípios, trago aqui trechos sobre o assunto em  escritos realizados por Deepak Chopra.


Somos criaturas na face da terra capazes de mudar nossa biologia pelo que pensamos e sentimos.  
O funcionamento de nossas células está diretamente ligado aos pensamentos que criamos, sendo constantemente modificadas por eles.
A qualidade do funcionamento de nossas células é diretamente proporcional à qualidade das ondas de pensamentos que criamos.
E a qualidade das ondas de pensamentos que criamos pode ser baseada no medo, ou no amor.
Se foi produzida baseada no medo, foi produzida pelo ego; suas ondas são baixas e distorcem as ondas harmônicas que entram em contato.

Se foi produzida baseada no amor, então foi produzida por um ego subjugado pela auto aceitação divina, alinhado à produção de energia magnética do coração, servindo somente à essas ondas cardíacas e sendo instruído pela consciência superior.
Um surto de depressão, por exemplo, pode arrasar seu sistema imunológico; apaixonar-se, ao contrário, pode fortificá-lo tremendamente.

A alegria e a realização nos mantêm saudáveis e prolongam a vida.

A recordação de uma situação estressante, que não passa de um fio de pensamento, libera o mesmo fluxo de hormônios destrutivos que o estresse.
Quem está deprimido por causa da perda de um emprego, projeta tristeza por toda parte no corpo – a produção de neurotransmissores por parte do cérebro é reduzida, o nível de hormônios baixa, o ciclo de sono é interrompido, os receptores neuropeptídios na superfície externa das células da pele tornam-se distorcidos, as plaquetas sanguíneas ficam mais viscosas e mais propensas a formar grumos e até suas lágrimas contêm traços químicos diferentes das lágrimas de alegria.

A boa notícia é que todo este perfil bioquímico será drasticamente alterado quando a pessoa mudar o seu foco de atenção e a fonte de produção de suas ondas de pensamento, permitindo que sua consciência superior opere em seu sistema através do amor, usando o ego somente como o seu instrumento de apoio.

Acessar a consciência superior, e aliá-la às ondas de energia cardíaca para manifestar o funcionamento e a imunidade biológica que realmente você deseja ter, é o primeiro passo para começar a refinar e purificar a saúde em todos os seus quatro corpos.
Shakespeare não estava sendo metafórico quando Próspero disse: “Nós somos feitos da mesma matéria dos sonhos. ”


Você quer saber como está seu corpo hoje?
Lembre-se então do que pensou ontem!

Quer saber como estará seu corpo amanhã?
Então olhe seus pensamentos hoje!
Ou você abre seu coração agora, ou algum cardiologista o fará por você!  





domingo, 29 de setembro de 2019

Somos influenciadores e influenciados




Finalzinho de setembro já chegou embalando boas promessas com a primavera esperada nos olhos e nos sentimentos. Os efeitos desta estação não acontecem só no meio-ambiente, aliás, nenhuma delas assim está restrita, eles se fazem sentir em nós, em nosso ânimo banhado pela energia fluídica espalhada no ar. 

Eu sou adepta da tese de que nós estamos em conexão com tudo à nossa volta, tudo que nos circunda faz interferência em nossos sentires. Se assim não o fosse , não ficaríamos abalados diante de tragédias naturais ou provocadas. Não nos afligiríamos com fatos tristes, com más notícias, com desagrados pessoais. Por tudo isto e até mais do que posso elencar, acredito que somos antenas de alta potência a captar emanações boas e infelizmente, más também.  

Compartilhamos mais que mensagens, postagens, áudios e vídeos. Compartilhamos a mesma energia dos animais, das plantas, do mar, das cachoeiras, dos outros seres humanos e de tudo o que é existente no planeta.  

Por isso nos sentimos tão bem próximos a lugares naturais, o mar( a praia), os parques( bosques e florestas), os rios ( cachoeiras), o campo( sítios e tais). Negar a influência exercida em nós e por nós é enganar nossa percepção como se fosse possível nos isolarmos numa bolha asséptica e nela vivermos os dias.

Claro que, é de bom e salutar conselho evitarmos as influências negativas, os sentimentos aflitivos, sempre que possível, afinal somos humanos e queremos tranquilidade e segurança física e emocional. 

Fiquei sabendo que a energia trazida pelo equinócio da primavera é de transformação, fertilidade e renovação.Sugiro que transformemos os pensamentos negativos em  positividades vivenciadas de fato,fertilizemos nosso melhores desejos, planos e objetivos e renovemos o olhar, as perspectivas, a esperança, crendo na vitória do bem. 



quarta-feira, 25 de setembro de 2019

Espetando cor / BC - botando a cabeça pra funcionar


Botando a cabeça pra funcionar ... 
uma divertida BC promovida pela querida Chica ( chicabrincadepoesia), que acontece todos os dias 5, 15 e 25 de cada mês  para sacudir nossa inspiração e, onde ela nos traz uma imagem para que em livre estrutura poética possamos exprimir sentimentos, olhares, inspirações.
Conheça e participe!



Ao vê-la tão mirrada,
pétalas afinadas
espetando cor,
mudei o ponto 
da vista e te 
mirei de cima,
te olhei de lado e,
ao ver-te melhor 
percebi teu caule,
 espinhento fado.

Em meio ao cerrado,
tu apontas danças
e,  ao sabor dos
 ventos constantes 
desprezas semelhanças,
 torna-te única esperança
da inconstância vivente
na terra rangente 
por sob passos. 
( Eu) 



Da tua sorte,
 bem o sei e
 a invejo a cada 
farfalhar.
Soberana, exaltas
 em alturas nas ramas
 tua nobre imagem
 teu porte, teu ser
pendente perfeito;
  em forma e cor
provocas assombros,
 altiva flor! 
( Eu) 


Como febre inspiradora, cá se tem a primavera espalhada por muitas postagens, muitas interações. Isto reacende o brilho em cada linda inspiração que a estação provoca.
Somos arautos das boas novas! 





segunda-feira, 16 de setembro de 2019

Imagens e Reflexos





Me deparei com uma expressão, no mínimo, interessante: " o espelho positivo". Pronto, com certeza, essa expressão já lhe trouxe definições à mente , neh? 

Obviamente, digo eu,  será aquele espelho que só refletirá o bem e o belo, pois sim? Assim é o que me parece mas, para além das aparências instantâneas, o quê de fato conterá tal idéia? 

Falta-me uma bola de cristal para elucidar todas as variantes que moram na dita expressão, porém, irei palpitar sobre o som que dela ecoa em mim, pra mim...

Vejo nela um acolhimento a definir ações tão conhecidas de nós, aqui na blogosfera. Somos, em grande maioria, espelhos positivos refletores dos dons  e das artes dos amigos e amigas blogueiros(as). Em algum comentário feito  num ( ou mais ) determinado blog, levamos palavras incentivadoras a alguém que poderia encontrar-se tímido(a) em lançar-se no mundo dos blogs. Por vezes, encorajamos  nossos pares com aplausos, com acolhimento, com interações que multiplicam a rede de boas práticas e de boas amizades fomentando um círculo mágico e engrandecedor. 

Em esmagadora maioria protegemos uma imagem refletida nas palavras, nos poemas, nas diferentes criações estreitando laços humanos em plano virtual.

O bom, o bem, aí residindo, é inegável. Todos temos consciência disto, pois aqui permanecemos.Há , no entanto, um lado controverso poucas vezes aparente. Me refiro à dependência quase inconsciente de aprovação, de visitas e opiniões constantes, o que pode enevoar a forte claridade aqui desfrutada por todos e todas. Somos humanos e podemos nos confundir em qualquer circunstância, sendo deste tipo, não há nenhum pejo e tudo tende a se iluminar a cada rotação da esfera blogocêntrica.