quinta-feira, 20 de junho de 2013

BC Musical - Música de Protesto - a voz das ruas

(ponte Rio-Niterói, ontem) 

A primeira conquista tem de ser comemorada, mas não pode ser motivo para acomodação, ainda há muito o que se mobilizar para novas e consistentes mudanças em benefício do respeito à cidadania.A voz das ruas falou alto, foi ouvida e respeitada, e isto é mais um marco da história do país que aqui se faz, porém, é interessante que agora se organizem comissões representativas em cada cidade para debaterem e redigirem um documento que contenha os desejos legítimos do povo frente aos descalabros que temos vivido e com embasamento justo rumarem para Brasília apresentando-se no Congresso Nacional para integrarem comissões participativas das decisões nos rumos que queremos para a nação brasileira.Só uma ampla reforma nos Códigos:Penal e Civil entre outros, garantirá a extinção de abusos legalizados que nos assombram há décadas. 

Brava Gente Brasileira, meus aplausos! \0/
***** 



Hoje, a Dani Moreno propôs a BC: Música de Protesto, o que não poderia ser mais a propósito deste momento, então fui lá atrás, no tempo dos festivais da canção, trazer pra vcs, os mais jovens, a canção de Edu Lobo e Capinam, que com lirismo intenso fala de um tempo marcado pelo silêncio, " de um canto calado sem ponteio", do tempo da repressão à sociedade civil que, embora não seja o atual, traz um recorte para a reflexão sobre a importância de nos fazermos ouvir, com ordem e legitimidade.

Ponteio  

Era um, era dois,era cem,
Era o mundo chegando e ninguém
Que soubesse que eu sou violeiro
Que me desse amor ou dinheiro...

Era um, era dois, era cem
Vieram pra me perguntar:
"Ô você de onde vai.
 de onde vem,
Diga logo o que tem pra contar" 

Parado no meio do mundo
Senti chegar meu momento
Olhei pro mundo e nem via
nem sombra, nem sol,
nem vento...

Quem me dera agora
eu tivesse a viola 
pra cantar... Ponteio!

Era um dia, era claro quase meio
Era um canto calado sem ponteio
Violência, viola, violeiro,
era morte redor;
mundo inteiro. 

Era um dia, era claro, quase meio
Tinha um que jurou me quebrar
Mas não lembro de dor
Nem receio 
Só sabia das ondas do mar... 

Jogaram a viola no mundo
Mas fui lá no fundo buscar 
Se eu tomo a viola, Ponteio 
Meu canto não posso parar,
Não!

Era um, era dois, era cem
Era um dia, era claro quase meio
Encerrar meu cantar já convém 
Prometendo um novo Ponteio 
Certo dia que sei por inteiro
Eu espero não vá demorar 
Esse dia estou certo que vem 
Digo logo o que vim prá buscar
Correndo no meio do mundo
Não deixo a viola de lado 
Vou ver o tempo mudado
E um novo lugar pra cantar





19 comentários:

  1. Adoro PONTEIO e lembraste muito bem.Adorei tua participação, do início ao fim! beijos,chica

    ResponderExcluir
  2. Bom dia,Calu!!!

    Nossa, que música mais atual!! Para ver como faz tempo que se luta...
    Que coisa!
    Até que demorou para que o povo se manifestasse, né?! Com o caos que anda a saúde, a educação, etc... aguentamos muito! Protestar de forma pacífica é a melhor arma que o povo tem, sem perder a razão!
    Uma pena estes baderneiros infiltrados!
    Vamos lá! Há tanto pelo que protestar!!!! Tantas coisas que precisam ser mudadas!

    Beijos, querida!!! Linda participação!

    ResponderExcluir
  3. Desejo o final de semana de muita paz
    para toda sua família ,
    e que Deus proteja aqueles que estão lutando
    por um Brasil melhor onde possamos ter
    nossos direitos adquiridos verdadeiramente.
    E um toque de Deus no coração daqueles que
    desgovernam nossa Nação.
    Que a luta seja feita em
    paz ,para Paz, pela Paz.
    Com muita fé vamos também orar
    por essa Nação , que a muitos anos
    vem sendo reprimida e oprimida :
    A muito deixou de ser uma sociedade
    digna e justa.
    Uma luta sem guerra sem sangue mostrar ,
    que apesar da pessíma educação
    e exemplo dada pelos governantes:Mostrar que temos a educação
    recebida dos nossos pais.
    Nossos jovens são filhos da nossa incansável
    esperança por um Brasil sem fome
    de todas as necessidades.
    Tenho estado um pouco ausente nesses últimos tempos
    fico triste quando a vida por trás da telinha
    me obriga a ficar longe de você.
    Carinhosamente te desejo um abençoado
    e feliz final de semana beijos no coração.
    Evanir.
    Tem Uma Mensagem Acorda Brasil.
    Juntos Vamos Acordar O Brasil..
    Somos Todos Irmãos....

    ResponderExcluir
  4. Que música linda! Eu não conhecia.
    Beijos ;*

    ResponderExcluir
  5. Olá Calu, não conhecia esta canção de Edu Lobo! Adorei e muito actual! Bravo irmãos brasileiros. O nosso coração está aí. Beijinhos (por aqui uma coisa semelhante com greves, algumas manifestações, mas o nosso povo é muito brando;)) e alguns já esqueceram o que sofremos na ditadura! Força Brasil. Ailime

    ResponderExcluir
  6. Oiii Calu, adorei a participação, não conhecia a musica, mas a letra é bem atual! Muito boa! Bjooooss

    ResponderExcluir
  7. Adorei a música eu não conhecia!
    beijos e um ótimo fds!

    ResponderExcluir
  8. Oi Calu

    Pode passar 20, 40, 50 anos e os anseios do povo se repetem. Você me fez recordar com emoção "Ponteio". Naquela época da repressão em que era tão jovem, não cogitava nem mesmo pronunciar a palavra tão dura. Tudo era cinza, mas nos devaneios juvenis preferia sonhar com as canções da Jovem Guarda.
    Maravilhosa postagem.
    Um bom final de semana
    Bjs.

    ResponderExcluir
  9. Olá, querida Calu
    Do meu tempo de faculdade... me lembro perfeitamente dos festivais!!!
    Da juventude entusiasmada e "protestante"...
    Gostei de ouvi-la aqui e recordar da antiguidade da luta por uma nação melhor...
    Bjm de paz e solidariedade para nós

    ResponderExcluir
  10. Oi Calu
    Muito bom o post! Acho que o brasileiro aprendeu a lutar pelos seus direitos novamente. Não conhecia a música. Não é da minha época (brincadeirinha kkkkkkkk), mas é atualíssima!
    Bjos.

    ResponderExcluir
  11. Ahhhhhhh que lembrança maravilhosa Calu!
    Esta música era uma das que eu cantava quando jovem e fazia coro com minha irmã e duas amigas. Como cantei! Mas, vivia numa alienação geral, não entendia quase nada do que rolava por trás dos panos, diferentemente dos jovens atuais, pois até mesmo a meninada já entendeu tudo e pude ver isso pelas ruas de todo o país nestes dias.
    Algumas pessoas só focaram, tal qual as redes televisivas, no vandalismo que tem em todas as revoluções desse tipo, esqueceram o mote maior, a conquista incrível que isto será para o nosso futuro, a história que está sendo escrita e mais ainda, pelas mãos de jovens. Estou orgulhosa deste momento e fui pras ruas aqui em Petrópolis ontem. Foi lindo, emocionante, encontrei amigos, conversamos, levantamos cartazes, tudo na mais perfeita ordem e com uma batalhão de choque simpático só olhando, sem sprays de pimenta nas mãos. Petrópolis ainda pode ser considerada uma cidade tranquila e de povo ordeiro. Vou lhe enviar algumas fotos pelo mail para ver do que falo.
    Viva o novo Brasil!
    beijos cariocas


    ResponderExcluir
  12. Bom dia de sábado!!!

    Agradeço sempre seu carinho quando me visita e hj deixo uma bela frase pra você.

    Eu poderia suportar, embora não sem dor, que tivessem morrido todos os meus amores, mas enlouqueceria se morressem todos os meus amigos!

    =Vinícius de Moraes=

    Abraços de bom final de semana
    Bjuss
    Rita!!

    ResponderExcluir
  13. Calu, ando tão orgulhosa do país! Só não quero que percam o foco, o objetivo, a pauta mesmo. Vamos aguardar para ver até onde esse gigante quer caminhar. Espero que encontre o rumo certo.

    eliana

    ResponderExcluir
  14. Boas ideias Calu e boa representação musical.
    bjs.

    ResponderExcluir
  15. Oi, Calu, essa música foi escolhida a dedo, ótima escolha com certeza. Achei legal sua sugestão sobre a criação de comissões locais...pelo que li pela blogosfera o que é mais questionável no movimento é que não parece haver um foco definido sobre o que está sendo reivindicado (naturalmente porque as reivindicações são muitas). Documentá-las de acordo com as necessidades regionais poderia ser um meio eficaz para novas conquistas.
    Um abraço!

    ResponderExcluir
  16. Calu,que musica mais linda escolheu!Um protesto muito comovente nessa letra!E adorei a sua ideia da revisão do codigo civil e penal.Acho que é mesmo esse o caminho!bjs,

    ResponderExcluir
  17. A vida é assim, um ciclo,
    uma viagem de trem e um incessante encontro e desencontro.
    Quem sabe seja por isso que ela é
    tão delicada e misteriosamente única e bela.
    Estou feliz por Deus me permitir
    estar visitando seu blog nessa viagem linda ,
    onde conheço tantos amigos e (as)entro em suas casas virtual
    e sou recebida com tanto carinho.
    Uma feliz semana minha doce e linda amizade.
    Beijos com todo carinho,,Evanir..
    Sua Amizade pra mim é tudo..

    ResponderExcluir
  18. Não conhecia esta música Calu (aliás, só conheci a letra agora, ainda não vi o vídeo) e é impressionante o quanto continua atual.
    Não sei se isto é bom ou ruim. Meu pessimismo ultimamente anda dizendo que é a segunda hipótese.

    ResponderExcluir
  19. Hey, Calu! Gostei desta canção que você escolheu pra BC da Dani. Linda. E gosto de passar por aqui... e admirar a maneira como você escolhe, combina as palavras, pra expressar as suas opiniões, os seus sentimentos, com beleza e clareza! (Ah! E no post do domingo, dos sapatinhos vermelhos, quero dizer que adorei a sua participação... Estúpido Cupido!) Uma semana maravilhosa pra você! Bjs.

    ResponderExcluir

Teu comentário é o fractal que faltava neste mosaico.
Obrigada por tua presença querida!