quarta-feira, 2 de outubro de 2013

BC - Vocês sabiam que...








O tema desta semana proposto pela Etienne (link) está na ponta da língua, no rumo da prosa, na puxada do assunto que volta e meia encaixa uma boa conversa: " Vocês sabiam que..." e com ele na cabeça fui lá atrás, buscar nas postagens antigas uma que achei perfeita para o tema, então a trouxe para esta BC; reedição do trecho dum post de janeiro de 2012. Optei por um assunto só ao invés duma lista, mas o considero muito interessante e merecedor duma revisitação.








Lendo alguns artigos numa edição sobre Educação, deparei-me com uma curiosidade;sabiam que a praia do Campeche, em Florianópolis/SC, abriga o Espaço Zeperri, criado em homenagem ao aviador e escritor Saint-Exupéry, ilustre amigo de um pescador local?
Pois então, é fato.Exupéry era piloto da Aéropostale-Argentina e teria nos anos de 1927/28 feito alguns pousos no Campeche(camp de pêche), onde as tripulações podiam pernoitar. O piloto-escritor fez laços de amizade com o pescador Manoel Rafael Inácio. O amigo ilhéu não conseguia pronunciar o nome estrangeiro e o batizou de Zé Perri.Por muitas décadas esse fato constava como história de pescador.Só na década de 80, tendo a região sua história coletada e pesquisada, veio a público um livro escrito pelo filho de Manoel Inácio narrando a amizade de seu Deca ( Manoel) com Exupéry, dando início a todo um movimento de resgate deste passado marcante para a região e para todos que apreciam a obra literária do piloto-escritor.
Nasceu então o Espaço Zeperri,onde a história local e a literatura servem de suporte para a cultura dos dois povos envolvidos.Elementos suficientes para chamar a atenção das crianças sobre um mundo que já era globalizado sem que se soubesse. 

*****




"... A Educação do homem percorre caminhos sinuosos. Antes de ser escolarizada, a criança já esteve exposta a milhares de horas de televisão, sem agir criticamente sobre as mensagens, sem discernimento para se proteger de programações imbecis.Forma-se o solitário adulto espectador no vazio da indiferença[...]"

José Pacheco(educador-escritor, ex-diretor da Escola da Ponte/ Portugal)  

----------





:) Venha participar também!




22 comentários:

  1. Poxa que bacana gostei da informação;

    ResponderExcluir
  2. Olá Calú,
    Muito interessante
    Gostei de saber
    Com esta BC da Etienne já aprendí muito
    Obrigada por compartilhar
    Beijinhos e o meu carinho
    Verena e Bichinhos

    ResponderExcluir
  3. Muito informativa tua postagem. Que legal!
    Abraço!
    Sonia

    ResponderExcluir
  4. Adorei Calú!!! Adorei saber de mais essa!! Um homem capaz de escrever algo como o Pequeno Príncipe só podia ser amigo de pescadores e ter apelido carinho como esse!!! E que bom que isso uma vez resgatado está servindo para algo de bom nessa comunidade!!!

    ResponderExcluir
  5. Oi Calu. Eu já tinha conhecimento desta história, mas não lembrava mais e por isso mesmo voltei a ler atentamente. Como todos, na minha adolescencia, também li O Pequeno Príncipe, depois ficou algo meio marginalizado este livro, como sendo leitura de "miss". Há uns dois anos, eu o peguei para reler, e me surpreendi com ele. Naturalmente a maturidade de hoje, deu-me outra visão do livro. É muito lindo. Tua postagem trouxe-me várias lembranças boas. Abraços.

    ResponderExcluir
  6. Calu, gostei muito de tua abordagem sobre o tema educação...Muito interessante! beijos quase deixando de ser praianos,chica

    ResponderExcluir
  7. Interessantes informações...unir história local e literatura é uma boa sacada para resgatar e cultivar tradições e desenvolver nas crianças o gosto pela leitura e consequentemente, o senso crítico. Ainda mais quando envolve o criador do épico Pequeno Príncipe! Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. Oi, Calu!
    Fiz algumas pesquisas sobre a vida de Exupéry e já postei um texto sobre ele, mas superficial pelo espaço no blogue. De fato, ele entrou para o exército em 1921 e voou pelas Forças Armadas e pela Aéropostale (correio aéreo), que mais tarde se fundiria a três empresas de aviação, dando origem à Air France. Seu melhor amigo e companheiro de profissão era Jean Mermoz, o arcanjo - considerado uma lenda dentro da história da aviação e o último trabalho que realizaram juntos foi na Argentina.
    Quando conheceu Deca (Manoel Rafael Inácio) este tinha 20 anos e Exupéry tinha 27. Deca era acordeonista dos bailes da base e depois que ficou amigo do escritor, além de ensinar a pescar e preparar um bom peixe, também ensinou a comer beiju fresquinho, já que o pai de Deca era dono de Engenho. Quando Deca casou, Exupery soube mas não pode estar presente, por isso a esposa Chica, nunca conheceu o francês.
    Quando publiquei o texto no blogue, descobri que o Vitorio Nani foi muito amigo de Gilles, sobrinho-neto de Saint Exupery. Eles voaram juntos e Gilles sofreu um acidente fatal em São Vicente/São Paulo.
    Um outro sobrinho-neto de Exupéry, François D’Agay esteve no Brasil para percorrer os caminhos que o tio passou e esteve hospedado no Hotel Itajubá/Rio de Janeiro, lugar em que foi rascunhado um trecho de "Voo noturno" (1931), em papel com logomarca do hotel.
    Exupery só ficou mundialmente famoso em 1946, portanto, antes da publicação de "Voo Noturno", ele era apenas um aspirante a escritor e o seu amigo Deca, jamais poderia imaginar que Zé Perri, fosse respingar sua fama também em sua vida.
    Beijus,

    ResponderExcluir
  9. Excelente post,Calu.

    Seu blog está na minha lista de blogs amigos e recebi atualização.

    Tem selinho à direita e acima de meu blog e posts novos.

    Vc vai me visita,amiga?


    Beijinhos


    Dryka

    http://www.suasenossas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  10. Hey, Calu! (Só agora acessando a internet, desculpa a demora.) Achei este seu post tão interessante. Que as crianças - e os adultos - se encantem e aproveitem bastante o Espaço Zeperri! Obrigada por participar novamente da BC. Já passou da hora de eu ir dormir... rs. Boa noite! Bjs.

    ResponderExcluir
  11. Oi Calu:
    Que coisa interessante, e acredito que a grande maioria não sabe.
    Valeu por compartilhar essa informação e principalmente a frase final do post.
    Bjs.:
    Sil
    http://meusdevaneiosescritos.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  12. Oi Calu,
    Estivemos na praia do Campeche anos atrás, mas como chovia muito, o rapaz da van q nos guiava nem demorou muito por lá. Não lembro de alguém ter comentado sobre o Espaço Zeperri. Pena!
    Florianópolis é uma cidade q algum dia desejo retornar a visitar. Adoramos aquele mercado municipal. Quem sabe desta vez eu conheça o Espaço de Saint-Exupéry.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  13. Vocês sabiam que... O nome dele era um palavrão? Antoine-Jean-Baptiste-Marie-Roger Foscolombe de Saint-Exupéry.
    Vocês sabiam que... Seu desaparecimento fulminante se assemelha ao do seu "filho" quando está com a serpente?
    Vocês sabiam que... Eu fiquei louca de vontade de conhecer mais livros seus?

    Beijin, Calu!

    ResponderExcluir
  14. Oi Calu
    Vc sabia que eu já fui nessa praia e nem reparei que tem esse Espaço?! Que legal saber disso! Muito boa sua participação na BC.
    Bjos.

    ResponderExcluir
  15. Olá Calu!
    Muito importante sua postagem querida! Tenho certeza que muitos como eu não sabiam.
    Obrigada por compartilhar com a gente!
    Sua participação ficou maravilhosa!
    Linda noite!
    Com carinho

    Blog: Femme Digital te espero lá!

    ResponderExcluir
  16. Olha só que interessante, desconhecia o fato completamente e adorei saber por aqui.
    E faço menção também a esta importante frase que colocou no final do post, muito profunda a visão deste educador português, tão certa para os dias atuais.
    beijos grandes da serra.

    ResponderExcluir
  17. Ola Calu!
    Muio legal a postagem!
    um lindo dia para você!
    abraço amigo
    Maria Alice

    ResponderExcluir
  18. Bom dia, Calu!!!

    Mas que bela escolha!!! Lembro bem deste post, pois fiquei impressionada e encantada!
    Beijos e meu carinho!!!!! Tudo de bom pra ti!

    ResponderExcluir
  19. Oiii Calu que bacana esta BC, e sua participação foi ótima, ainda não conheço Floripa, espero conhecer em breve! Adorei seu comentário lá no blog! bjinhossss

    ResponderExcluir
  20. Calu!
    Interessante poder saber um pouco mais sobre um dos livros mais amados no mundo todo.
    Informações valiosas!

    Que dia cheio de alegria! Receber sua visita trouxe felicidade, obrigada! Quando puder, retorne, estarei de braços abertos para acolher sua atenção!
    Desejo um final de semana repleto de carinho e paz!
    cheirinhos
    Rudy
    BLOG ALEGRIA DE VIVER E AMAR O QUE É BOM!
    "A busca de Deus é a busca da alegria. O encontro com Deus é a própria alegria."

    ResponderExcluir
  21. A alegria de viver maior que podemos
    demonstrar é quando nossa vida
    esta de alguma forma atingida por algum problema
    em nossas vidas.
    Quanto tudo esta bem é fácil parece termos tudo
    que nada desmorona ,
    que estaremos sempre acima de tudo.
    Eu tenho visto isso no longo da minha vida
    a falta de despreparo para enfrentar
    prováveis empecilhos .
    A fé tem um poder enorme uma das maiores armas
    nos da força e a certeza de
    que nunca estaremos sozinhas.
    Venho agradecer sua presença
    e tenha certeza a verdadeira amizade
    é um amor que o tempo não destrói.
    Todos nós somos passivos de erro
    e dignos de perdão.
    Em minha postagem deixo um cainho
    e uma alerta ,que acredito exponho
    um grande amor por todos.
    Um Domingo na paz e na luz.
    Beijos carinhos e afagos na sua alma linda.
    Evanir.

    ResponderExcluir
  22. E pensar que sabia muito dele, pois na juventude o pesquisei bastante em trabalhos escolares.
    Bela partilha Calu, voce brilhou nesta blogagem e ainda mais por ser sua praia, a educação.
    Meu abraço com carinho.

    ResponderExcluir

Teu comentário é o fractal que faltava neste mosaico.
Obrigada por tua presença querida!